Escola de Habilidades para a Vida

Diário de bordo: a mudança começa em você!

E se você pudesse, por um momento, permitir-se refletir sobre todo o seu dia e ter, já em uma semana, uma MA-RA-VI-LHO-SA sensação de que tudo está indo melhor? Aliás, e se isto fosse além da sensação, estivesse latente em sua vida e seu ser fosse realmente modificado por sua decisão? Como seria?

Bem, se fizer sentido para vocês, permitam-se, durante a próxima semana, fazer este diário de bordo que vos apresento aqui. E, ao final desta, tente lembrar o que mudou para você, durante esta experiência ao longo da semana. E ainda, se assim desejar, compartilhe aqui, conosco, os frutos desta mudança.

Tenho plena certeza em meu coração que você terá resultados maravilhosos, se acreditar realmente na mudança em sua vida e a permissão for de corpo, alma e coração!Vou explicar um pouco do conceito de cada parte. E lembre-se: aprecie sem moderação!

O ideal é fazer durante a noite, no tempo de cada um. Pode ser 5 minutos ou 30, dependendo do tanto que gostar de escrever e gostar da ideia.

I – Muitas vezes a gente enxerga nosso dia como algo sem importância, deixa de se apegar a coisas boas que aconteceram e, às vezes, falamos “nossa, hoje o dia foi uma porcaria” simplesmente por um único momento e esquecemos das outras muitas horas que foram maravilhosas. Coisas simples da vida fazem o dia valer a pena.

II – Essa segunda parte, da ressignificação diária, ajuda-nos a refletir sobre as atitudes que estamos tendo e se estão de acordo com nossos propósitos. Principalmente quando somos cristãos, muitas vezes esquecemos (como a gente falou na célula) de deixar Deus em primeiro lugar e fazemos a nossa vontade, estressamos antes de entender, gritamos antes de ouvir e por aí vai. Neste ponto podemos nos perguntar sobre muitas coisas e nos permitirmos aprender com nossos “erros” e tirarmos algo de positivo deles. E também é uma possibilidade de gerar uma tarefa para o passo III.

III – No planejamento diário descrevemos no mínimo 6 ações que desejamos para o dia de amanhã (podem ser quantas quiser, mas nunca menos que 6). Isto nos ajuda a termos foco no que queremos. Não precisam ser grandes coisas, ou podem, se desejar. O importante é que seja algo que faz sentido para nós. Como eu dei exemplo, uma missão minha de todos os dias era não falar palavrão. E coloquei isso como tarefa para o dia seguinte.Podemos ficar um ano colocando a mesma coisa como tarefa diária e realizando todos os dias. Não tem problema. O bom é que, com o tempo, nos policiando quanto a estas tarefas, muitas delas se tornam hábitos e começamos a fazer sem perceber. A mudança ocorre quando nos permitimos (e para nos permitirmos, precisamos, primeiro, identificar o que desejamos mudar e aceitar que precisamos da mudança).
E, todos os dias, revemos o planejamento do dia anterior e sinalizamos o que fizemos e o que não fizemos. Aquilo que a gente deixou de cumprir colocamos para o dia seguinte (ou tiramos de vez da lista, pois se deixamos muito tempo aquilo e não cumprimos, talvez não estejamos preparados ou não queremos realmente mudar esta parte. E tudo bem se isto acontecer. Afinal, a mudança tem que fazer sentido para nós).

IV – Nesta parte agradecemos e perdoamos a nós mesmos, a Deus, às pessoas que estão ao nosso lado. Tudo o que estiver em nosso coração.
Agradecer pelos momentos bons, e também pelos não tão bons assim, gera em nós resiliência. Começamos a perceber que tudo tem um propósito e que Deus está sempre presente, mas que às vezes preferimos fechar os olhos diante dEle.
E também o perdão (e não precisamos, necessariamente, pedir diretamente para a outra pessoa. O seu jeito é o jeito certo) ajuda-nos a lembrarmo-nos sempre que somos humanos e estamos em constante evolução. Perdoar e pedir perdão é aceitar nossa limitação e respeitá-la. E a partir do momento que respeitamos nossas limitações encontramos força para superá-las. E também é um momento de cura.

Para fazer isso, escolha um caderno que seja a sua cara, ou uma agenda, o que achar melhor.

Tenho certeza que em uma semana já vão poder começar a ver os resultados disso. Incluindo: consciência maior de si, mudança de comportamentos e pensamentos, alinhamento de metas da vida, melhora em relacionamentos pessoais e profissionais (se as ações e meditações daqui estiverem direcionadas também a isto) e algo mais que estiver no nosso coração desejando mudança.

Curta também nossa página e receba doses diárias de Ynovação

Deixe sua mensagem

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado.

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

facebook like